Conheça os tipos de Painéis Solares

Atualizado: 3 de nov. de 2021


As fábricas de painéis solares utilizam diversos tipos de células solares e tecnologias solares, porém o material que é mais comum usado para células solares é o silício (Si). O silício trata-se um componente importantíssimo para diferentes tipos de painéis solares, porém todos tem as suas próprias vantagens e desvantagens.


Porém, dependendo a forma como você está utilizando a energia solar , é muito importante saber quais os benefícios de quaisquer tecnologias emergentes de células solares utilizando técnicas ou até mesmo materiais adicionais.


Células solares são feitas de silício e também são construídas com uma camada positiva e outra negativa afim de criar um campo elétrico, igual a uma bateria. Porém a grande maioria dos painéis solares são feitas de silício monocristalino ou policristalino.




SILICONE MONOCRISTALINO

  • Faixa de eficiência média: 15% -24%

  • Como é feito: os wafers são cortados de um único bloco de cristal de silício altamente puro com células que formam um formato distinto.

  • Aparência: As células monocristalinas possuem uma aparência uniforme de pequenos quadrados pretos com cantos entalhados. Os painéis solares feitos com essas células solares normalmente possuem uma folha traseira branca ou preta.

  • Características: Podem afirmar que esses tipos de painéis conduzem eletricidade com muita mais eficiência e também têm melhor desempenho em altas temperaturas e também em ambientes com condições de sombra, fazendo assim com que gerem mais energia solar do que outros painéis do mesmo tamanho. Vale dizer que esse tipo de tecnologia é a mais consagrada, visto que ela também tem um excelente histórico comprovado de durabilidade. Mas, por outro lado são os painéis mais caros e também geram mais resíduos no processo de fabricação.


SILÍCIO POLICRISTALINO (OU MULTICRISTALINO)

  • Faixa de eficiência média: 12% -16%

  • Como é feito: fragmentos de vários cristais de silício são aquecidos, derretidos e depois pressionados juntos afim de formar uma grande célula solar.

  • Aparência: essas células solares possuem uma superfície multifacetada, não uniforme, igual a uma gema e são tipicamente de cor azul.

  • Características: Os painéis solares policristalinos tem a desvantagem de serem menos eficientes, porém são mais baratos, e tem também tem a vantagem de gerar menos desperdício no processo de fabricação de silício. Sendo assim esses são os painéis solares que mais prevacentes em todo o mundo, principalmente devido ao boom de produção na China nos últimos anos. Para além disso, esse tipo de células solares são cobertas por um invólucro de vidro, que normalmente feito de vidro anti-reflexo no intuito de aumentar a absorção de luz solar e desta forma melhorar a eficiência do painel solar, e também são protegidas por uma folha traseira.


PAINÉIS SOLARES DE FILME FINO

  • Faixa de eficiência média: 7% -13%

  • Como é feito: são constituídos por uma fina camada de material fotovoltaico ou pela combinação de materiais como silício amorfo não cristalino , telureto de cádmio ou seleneto de cobre índio-gálio , que são depositadas em uma superfície como vidro, plástico, ou metal.

  • Aparência: Os painéis de silicone de filme fino são em geral maiores e têm uma aparência uniforme em preto sólido.

  • Características: Trata-se de uma tecnologia mais recente que está já disponível comercialmente e é muito adequada para residências ou empresas onde o espaço não é um problema. Os painéis solares de filme fino são baratos, fáceis de produzir, flexíveis, portáteis e leves. Porém , eles tem a desvantagem de serem são menos duráveis ​​e possuírem uma vida útil mais curta.

RESUMO DOS PAINÉIS SOLARES DE SILICONE


Tipo de célula de silício

Eficiência

Principais vantagens

Principais Desvantagens


Monocristalino

15% -24%

Mais eficiente, durável, comprovado, esteticamente agradável

Custo mais alto


Policristalino

12% -16%

Custo mais baixo, melhorando a eficiência

Eficiência mais baixa, estética mais pobre

Filme Fino

7% -13%

Baixo custo, fácil de fazer, melhor estética

Baixa eficiência, menos comprovada


OUTRAS TECNOLOGIAS DE CÉLULAS SOLARES

As células solares com múltiplas junções são baseadas nos princípios iguais das células baseadas em silício, porém a exceção está no fato delas serem projetadas com várias camadas de semicondutores diferentes e assim podem capturar mais do espectro de luz.


HETEROJUNÇÃO COM CAMADA FINA INTRÍNSECA (HIT)

As células solares HIT, foram inventadas pela Panasonic, utilizam finas camadas de silício amorfo intrínseco nas superfícies superior e inferior tipo wafer de silício cristalino.


PEROVSKITES

As células solares fabricadas de perovskita pertencem a uma família de cristais que traz o nome do geólogo russo Lev Perovski. Essas células conhecidas como perovskitas são menos estáveis ​​do que o silício, porém são capazes de alcançar eficiência de energia solar igual às células monocristalinas a um custo menor.


É importante dizer que ainda não está disponível comercialmente, essa tecnologia promissora , mas poderá em breve ser aplicada como um filme sobre células existentes à base de silício para aumentar a eficiência dos painéis solares padrão.